Amor eterno...

Lilypie First Birthday tickers

sexta-feira, setembro 24, 2010

Já arranjei muito bem tudo quanto convém

P'ra nova casa levar...
O tabuleiro, a manta,
Os tachos e panelas
Que não vou queimar

Enfim.
Andei em arrumações para me mudar para o novo ninho no domingo, em que vou com os meus pais tratar das mudanças.
Confesso que estou entusiasmada por ter um cantinho a que chamar meu (se bem que não é bem meu mas sim alugado, mas isso não interessa nada). É liiiiinda a casa. Tem uma cozinha toda moderna, uma sala grande, o quarto tem boa mobília... Vai ser preciso apertar o cinto, mas sei que vai valer a pena.

A primeira semana de aulas foi a bombar.

Tenho que realçar a experiência única de ter dado aulas a uma menina adorável, com trissomia 21. Percebi o que é a integração social destas crianças tão especiais, pois para mim é uma aluna como outra qualquer. Não, minto, é uma aluna mais empenhada, com mais atenção e com mais força de vontade que outros que tenho. Diz que adora música e eu já sou fã dela. Incrível incrível foi vê-la ajudar a colega de aula (porque agora têm de ter 90 minutos de aula em conjunto, em vez de 50 individuais) a aprender a colocar as mãos no teclado. Foi lindo... e eu que sou uma lamechas fiquei logo tocada.

Tenho mais duas meninas muito empenhadas, acho que vou poder fazer um bom trabalho com elas, tal como outra menina da iniciação que vem muito bem preparada do professor anterior (obrigada P.D.!!).

Quanto aos outros alunos, ainda não sei. É preciso mais tempo para ver e perceber o que posso fazer com eles. Há uma (ou possivelmente 2) que não estão muito para ali virados, mas até é bom. É um desafio para mim ver se os consigo motivar minimamente para o piano.

É bom trabalhar assim. Com prazer, com dedicação. Quando trabalho, quando estou com os miúdos, quando estou a ensinar, tudo o resto desaparece. É uma benção durante algumas horas do dia não pensar ou não sentir problemas.

Agora resta-me esperar pelos resultados da pós-graduação =) Mas estou com confiança. Acima de tudo é necessário ter esperança.

Pode haver ventos de tempestade, mas após dela, virá sempre a bonança.

Paz =)





"Nosce te ipsum"

2 clips:

Ana Carvalho disse...

É assim mesmo, pensamento positivo acima de tudo!

Fico feliz por saber que estás a gostar de dar aulas. É muito agradável e produtivo quando eles são empenhados. Uma colega minha, que começou a dar aulas de piano no Orfeão de Leiria este ano disse-me aqui há dias: "Tive um puto que entrou na sala de trombas e o pai antes de sair só lhe disse que não tinha outra saída se não aprender piano, e ao sair da sala bateu com a porta". O que é que se faz com mentalidades assim? Se os putos não querem, mais vale nem os meter nisto... Em contrapartida, há esses pequenos milagres. Meninos que toda a gente marca como burrinhos e inúteis (é triste mas é a verdade) por vezes são maiores do que muita gente que se diz ser grande.

Força aí, vê-mo-nos nas Jornadas para a semana!

Elias disse...

É muito bom ver-te tão entusiasmada com o teu trabalho, depois daquele tempo frustrante na câmara...

E a casa realmente é fantástica :)

Rascunhos antigos