Amor eterno...

Lilypie First Birthday tickers

segunda-feira, junho 13, 2011

Diário da noiva: do processo canónico e sua resolução, ou de como há pessoas que nos surpreendem

Esta manhã, depois de uma noite mal dormida por causa de todo o stress de ontem, lá fui falar com o padre A., da residência onde "moro" (se é que é possível dizer que eu moro em algum sítio, visto passar 4 dias por semana numa cidade, dois noutra e os outros dois a visitar os meus pais, mas isso é outra história, professor que é professor anda hoje em dia com a casa às costas e não refila).
Confesso que ia nervosa, pois o padre D. ontem disse-nos "se eu vos mando para lá ele manda-vos embora". E a verdade é que o senhor não me conhecia de lado nenhum, eu fui poucas vezes à missa na paróquia dele, portanto...
Enfim.
A verdade é que atendeu a porta, mandou-me logo entrar, mandou-me sentar, ouviu-me atentamente, reflectiu, fez uma data de perguntas, e depois disse que tratava de tudo. Até porque nós acima de tudo tínhamos o direito a ver finalmente o nosso processo resolvido, e que infelizmente muitas vezes havendo padres que podiam tratar das coisas, não o queriam fazer, e que ele já estava habituado, que já há mais de quarenta anos que assim era, que já quando era novo "despachavam" os casais para ele.
Só sei que saí de lá a respirar outro ar.
Domingo vou então falar com o E. e o padre E. e... seja o que Deus quiser!

Share |





"Nosce te ipsum"

2 clips:

Shell disse...

Poças, não tinha ideia que isso fosse assim :x bem, boa sorte! * beijinho

catherine disse...

Finalmente... :)

Rascunhos antigos